Ei, pra que?!?!

Tô revoltada. Tô brava. Tô indignada. Grrrrrr, que raiva! Eu preciso desabafar, preciso extravasar.

Eu já escrevi aqui no blog, muitas, dezenas, centenas, bilhares de vezes o porque criei o blog. Queria ajudar, quem sabe uma única pessoa, que pudesse estar passando algo parecido ou mesmo situação igual a minha: engravidar solteira, nova (hoje 21 anos é nova para ter filhos), precisar trancar a faculdade para custear o enxoval do bebê, seu pai não te olhar nos olhos por metade da gestação, descobrir que estava grávida quase aos quatro meses, ir morar com o namorado numa casa que era dele com sua mãe, e está relutar em deixar a casa e chorar diariamente pedindo a Deus por um milagre financeiro.   

Eu sei que existe uma certa exposição das nossas vidas, afinal, é uma espécie de diário, ou até mesmo um divã o blog, mas em nenhum momento venho aqui com o intuito de expor a história e a imagem da minha família, principalmente da minha filha, que é uma criança de 2anos e 4meses. Não estou aqui “vendendo” minha história para nenhuma marca, nem recebendo nada em troca para divulgar aquilo que acredito.

Pois bem, ontem estava visitando alguns blogs “mais chegados, mais íntimos” e me deparei com um post da Sylvia http://sylvia-bruno.blogspot.com/ falando sobre um assunto que, vamos ver se consigo transcrever aquilo que é tão fácil falar, eu entendi o que ela escrevia mais não entendia o porque. Ela falava sobre um comentário anônimo que criticava (se assim posso dizer) o blog e a princesa dela, a Gabrielly.

Eu, com minha curiosidade, perguntei sobre o que se tratava aquele post dela, e ela me respondeu que um anônimo visitou o cantinho dela e escreveu um comentário falando sobre as fotinhos da Gaby.

Vamos ao desabafo! Quando decidimos entrar para esse mundo virtual, sabíamos dos riscos que estávamos assumindo. Falar da vida, postar fotos é exposição. Isso é fato! Agora, é muita crueldade alguém perder seu tempo (aí sim é perda de tempo) procurar esse tipo de material (blogs sobre maternidade), visitar, comentar como anônimo e fazer tais comentários. Meu Deus, o que a gente fez para receber isso? Quer falar que acha um absurdo criar um blog pra falar sobre isso, tudo bem, não tem gente que cria site com fotos de crianças nuas!?! A gente pesquisa, acessa e visita aquilo que a gente quer, mas aonde está o respeito, a consideração, a boa educação? Ninguém é obrigado a achar minha filha linda, dizer que ela é linda, mas para que falar que ela é feia?! O que essa pessoa ganha com isso? NADA ...

Já disse aqui que vi muitos blogs expondo mesmo a vida do bebê. Expondo o quarto, a marca do enxoval, as fotos do book da gestante, mas não vou criticar, só não visitarei mais, não é o que procuro. Agora, o que essa pessoa desejou em fazer isso?

Há muito tempo atrás, quando o Orkut era TOP e todos tinham acesso ao nosso álbum, minha família foi vítima de cartas anônimas, com envio das fotos que eu havia publicado em meu álbum. Não descobrimos quem fez esse “terrorismo” e na época, a delegacia para crimes digitais ainda não estava “funcionando”, mas minha pergunta é: porque existem pessoas tão cruéis que precisam fazer isso? O que elas querem, o que elas ganham, o que elas desejam? Oro diariamente pelo meu blog, para que eu não passe nenhum coisa errada e nem venha a sofrer nenhum tipo de “ameaça”.

Não irei mudar meu jeito de aprovação de comentários, sei que Deus está no controle até dos comentários feitos no meu cantinho. Sei que Ele cuida até de quem me visita.

Meu desabafo é por aqueles que nos visitam. Puxa vida, se estamos aqui, contando nossas histórias é porque queremos um mundo melhor para nossos filhos. Estamos aqui compartilhando experiências, boas e ruins, para que quem precisar, possa se sentir acolhido! Se não tem nada para falar, fique quieto. Vai agregar? Não? Então se cale! Se meu texto, minha forma de ver a vida não agradam, nem perca seu tempo entrando no blog. Ele é feito com muito amor, carinho e respeito.

Sylvia, não se magoe, não desista desse sonho que é o blog! Sua filha é linda, jamais precisará de preenchimento nesses lábios e ela é sua paixão! 

12 comentários :

  1. logo que o andre nasceu eu tinha um blog exclui ele devido a uma louca que se passava por mãe,só agora criei coragem para começar outro,nao quero me aparecer nem nada apenas quero que um dia meus filhos possam entrar nesse blog e ve dia dia tudo de maravilhoso que aconteceu na vida deles,como eles agiam,como nos agiamos com eles,enfim quero que eles possam saber de tudo!mas realmente tem muita gente sem noçao,que nem sei o que vem fazer aqui em um blog sobre maternidade!beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Oi Má
    Não achei que a loucura do anônimo iria render até post em outro blog!! Mas fico feliz com seu apoio e com certeza não vou desistir do meu blog, isso nem passou pela minha cabeça, que se danem essas ou esses loucos!!! Vão entrar e ver o que tem no meu blog e no de outras muitas pessoas somente por não terem nada para fazer com suas vidas. Obrigadão mesmo pelo apoio. Beijos mil

    ResponderExcluir
  3. Má, fico indignada com essas coisas... graças a Deus nunca passei por problema parecido, apesar de ter orkut desde sempre, o blog existir há quase 2 anos e estar sempre no mundo virtual... Mas fico chateada quando isso acontece com alguém...
    Pelo que vi no comentário acima, a Sylvia já superou esse acontecimento, graças a Deus!
    E não devemos mesmo desistir do que acreditamos só porque um ser qualquer que nem tem coragem de mostrar a cara vem criticar...
    bjos...

    ResponderExcluir
  4. A gente corre esse risco mesmo.
    Se publicamos na net, qualquer um, qualquer tipo de pessoa pode ler.
    E comentar...
    Agora se damos valor ou não para cada comentario, ou opinão sobre nossos blogs depende só de nós.
    Melhor do que responder é não comprar o lixo que o outro oferece.
    Deixa nas mãos dele.
    Um ótimo fim de semana!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi Ma! Tem muita gente que não tem o que fazer mesmo! Eu posto comentários e fotos e sei que estou sujeita a ser vista... (e exposta!). Coloquei fotos de gestante (meu marido é fotógrafo e foi até mesmo uma forma de prestigiar e divulgar o trabalho dele), sei que me exponho dessa forma, como com os posts que faço (falando do meu dia a dia com o bebê), mas ganho muitas coisas boas, amigas novas (algumas viraram reais), pessoas que eu gosto e gostam de mim estão também nos vendo e acompanhando (e nem sempre conseguem fazer pessoalmente), guardo um registro de amor para que o Nino veja um dia e de quebra já ajudei algumas mães em alguma coisa (como também aprendo lendo outros blogs).
    Ridículo quem perde seu tempo para criticar outra pessoa que escreve sua vida e seu momento com tanto amor como esse que você narrou!
    Bjocass

    ResponderExcluir
  6. Oiee!
    Obrigada pela visita sempre carinhosa lá no meu blog. :D Fico encantada com suas palavras e se morássemos mais perto com certeza nossas meninas seriam boas amigas reais e nós também, é claro!..rss
    A Maria Clara viu bem com os óculos, mas depois quis tirar e ficou falando bico dez mil vezes..rss Mas com diálogo deu pra ver o filme todinho. :-)
    Ahhh.. e este seu post.. tem gente q não tem mesmo o que fazer e faz estas coisas.. hoje mesmo eu recebi um comentário num video meu do youtube da Maria Clara mexendo muito na minha barriga, aí escreveram que deve ser horrível, etc e tal.. Coisa de gente sem noção.. sem Deus. resoltada.. sei lá.
    Beijos pra vcs aí e um ótimo fds :-)

    ResponderExcluir
  7. Nossa, eu fico doida da vida com essas coisas. Acho que essas pessoas não tem o que fazer, são pessoas infelizes com suas próprias vidas, são invejosas... não sei! porque o que leva alguém a fazer essas coisas? deve ser um vazio muito grande no coração. estamos sujeitas a isso, é verdade, mas que é pra ficar indignada isso é!
    beijos amada, fica com Deus

    ResponderExcluir
  8. terrivel né? eu já fui vítima de comentários maldosos de anônimos, que falaram que eu me gabava do meu filho, mas se o blog é pra falar do meu filho o que ele queria???
    sinceramente eu nem dou IBOPE e chance para esse tipo de pessoa, meu comentário tmb é aberto,mas li e não gostei vou lá e apago...
    fala sério, é muita falta do que fazer...
    e não entendi o porque do anônimo falar mal da menina, a filha dela é linda!!!!quanta maldade...
    bjos

    ResponderExcluir
  9. Puxa,Marcella,nao sei se estou triste, decepcionada, com raiva, revoltada ou indignada... Por que a gente que tem tantas mensagens boas para compartilhar tem que passar por isso?! Porque quem tem um blog é por doação e altruísmo! Lamentável ... Estou triste e solidaria a nossa amiga. E com um pouco de medo da exposição ... Vamos orar juntas. Não sei , fiquei muito chateada mesmo, poderia ter sido com a gente... Bjs

    ResponderExcluir
  10. É Ma,

    Passei por poucas e boas no orkut, hj n tenho mais, nem facebook e nada, a unica coisa q tenho e contra a vontade do marido é o blog, mas confesso q acho q exponho demais tb, mas isso n da o direito a esse povo que n tem o que fazer ou uma vida feliz, ficar fazendo esse tipo de coisa, principalmente pq se trata de mães e filhos, coisas sagradas!!!

    bjo e apoiada!

    ResponderExcluir
  11. Que horror! Que crueldade! Tem gente que não tem o que fazer mesmo da vida!Só Deus pra ter misericórdia de pessoas assim...

    ResponderExcluir

Copyright © 2013 Mamãe de Salto - Layout Personalizado por Giselle Carvalho