E já foi o Natal!

Blé Blé Blé Blé ... não sei vocês, mas passei grande parte do ano desejando, planejando, esperando pelo Natal e, ele graciosamente chegou e tão rapidamente acabou! Assim como o ano de 2012, o dia de Natal passou tão rápido!


Eu sempre fui apaixonada pelo vinte e cinco de dezembro, e minha paixão sempre foi frustrada pela total falta de espírito natalino da minha família que, sempre fizeram da noite de vinte e quatro de dezembro apenas uma noite em que a família se reúne para jantar. NUNCA houve troca de presentes; NUNCA houve árvore de Natal; NUNCA houve um parente sequer que se sujeitasse a se vestir de Papai Noel e oferecer os presentes para as crianças, até porque, sempre houve um certo ar de competitividade entre os primos de quem ganhava mais e melhores presentes e, se posso ser sincera, eu sempre era a que menos ganhava, pois nosso casa nunca teve um grande poder aquisitivo para grandes presentes.

Melancolias e tristezas de lado, consegui transmitir pelo DNA para Sophia esse amor pela época de Natal. Sophia simplesmente enlouquece ao ver uma casa ou edifício decorado com luzes pisca-pisca, árvores e guirlandas enfeitadas fazem seus olhinhos brilharem e, saber que haverá um dia chamado de Natal e que nele o Papai Noel traz presentes é simplesmente fascinante. Se andamos pelas ruas e vemos casas decoradas ela insiste em dizer que todas são decoradas para ela porque ela ama o Natal.

Pois bem, a tão sonhada véspera de Natal chegou e, com a mudança e tudo o que estamos reformando em casa, decidimos que iriamos passar nós três em nossa casa nova –ou como Sophia insiste em nos corrigir, apartamento novo. Eu e papai fizemos um plano infalível para a colocada dos presentes embaixo da árvore, o plano era o seguinte: papai chamava a princesa até a sacada para procurar o Papai Noel no céu com seu trenó guiados pelas renas, enquanto isso, eu acomodava os presentes embaixo da árvore, assim que terminasse, papai iria até a porta da sala, gritava HO HO HO, batia a porta e entrava pela cozinha. OK OK, planos muito bem planejado e executado, se não fosse Sophia não querer sair da sacada alegando que era o papai imitando o Papai Noel #fail. A gente insistiu que não, que era o Papai Noel e que, AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA olha embaixo da árvore!!! Sério, achei que Sophia iria ter uma sincope! Ela simplesmente parou de respirar e pulava descontroladamente e gritava sem limite de decibéis.


Tá bom, tá bom ... hoje confesso que exagerei na lista passada para o Papai Noel, mas ainda estou naquela fase “faço pela minha princesa tudo aquilo que gostaria de ter tido na minha infância”. E, a cada presente aberto, era uma alegria, uma festa, uma gritaria.




De todos os presentes, o mais difícil de encontrar foi uma certa fantasia de Peter Pan, mas sou mamãe brasileira e não desistirei JAMAIS e consegui encontrar e, para alegria geral da nação, foi o presente mais amado. Alguém já tinha conhecido uma princesa que ame tanto o Peter Pan que desejasse uma fantasia?!? Eu não ...




Claro que houveram os presentes decepcionantes, como uma boneca que eu jurava que interagia e, na verdade, só faz xixi. E teve o episódio do presente dado antes da hora que, na propaganda além de mostrar que é super fácil manusear, inconscientemente indica para a criança que o brinquedo gira sozinho e, na verdade, não faz nada. Eu sabia que não girava, mas para a princesa, isso era parte integrante do brinquedo: ele girar! #publicidadefail

O cardápio foi mega simples, até porque a mamãe aqui é -1000 na cozinha! Strogonoff de frango com arroz branco e batata palha para a ceia e, torta de sorvete de sobremesa!



Eram passadas das 00:30 minutos e já estávamos todos na cama prontos para dormir. No dia de Natal, princesa acordou cedo, disposta a brincar com todos os novos presentes.




Para completar a festa, Natal na família é sinônimo de aniversário da bisa, vovó do papai! Então almoço em família; pena que este ano ninguém estava muito feliz, pois dia 23/12 foi aniversário de morte do biso, vovô do papai e marido da bisa, então ainda não havia clima para festa!

Pois é, e assim foi nosso tão amado e sonhado Natal! Agora já estamos na contagem regressiva para o Réveillon! 

Beijos, Má

2 comentários :

  1. Olá Má! Tô aqui imaginando vcs nesse desafio do papai noel kkkk
    A carinha dela teve ter sido td de bom... mas tb tantos presentes... eitaa...
    bjss http://cphilene.wordpress.com

    ResponderExcluir
  2. Marcella, que natal maravilhoso vocês tiveram!!!

    Quanta alegria nesse natal, imagino a alegria da princesa!

    Estou muito feliz por você, muito feliz por suas realizações.

    A janta deve ter ficado deliciosa, adorei o teu cardápio.

    Beijos!!!!

    www.mamaenadia.com

    www.asosmamaenadia.com

    ResponderExcluir

Copyright © 2013 Mamãe de Salto - Layout Personalizado por Giselle Carvalho