O caso dos cookies da princesa






Há alguns dias Sophia estava assistindo algum desenho animado e me chamou em seu quarto para me fazer um pedido:

- Mamãe, você pode fazer aquele biscoitinho com pedacinhos de chocolate dentro para mim?!
- Qual filha?!
- Aquele que é branquinho com pedacinho de chocolate dentro, que tem muitos pedacinhos!
- Ah, cookies?!?
- Isso, você pode fazer cookies para mim?!
- Claro que sim filha, vou descobrir uma receita e no final de semana a mamãe faz, pode ser?!
- Claro!

Pois bem, durante a semana ela sempre me perguntava se já estávamos no final de semana para fazermos os tais cookies e eu respondia que não, #quedó, mas daí que o sábado chegou e enfim era dia de fazer os tão desejados cookies da princesa!

Procurei em livros, revistas e na internet por uma receita e achei uma que parecesse muito boa, fomos ao mercado e compramos todos os ingredientes ... no caminho para nossa casa a princesa pediu para ficar na casa da vovó e, quando tivesse pronto que eu fosse busca-la, OK OK!

Cheguei em casa toda ansiosa e empolgada para fazer o cookie e, principalmente, que ficasse bom. Fiz tudo como mandava a receita, tudo com amor e carinho e, blé blé blé, ficaram péssimos! Secos, sem gosto de nada com coisa nenhuma. Nem iria buscar a princesa, afinal, a receita tinha ficado horrível então, para que tirá-la da casa da vovó?!? Para minha surpresa o vovô veio traze-la pois ela estava muitíssimo ansiosa e, quando ela viu os cookies ficou tão feliz, tão contente que saiu comendo aquela coisa insossa, mas tadinha, ela disse que estava maravilhoso. Aquilo me deixou muito triste, muito mal pois eu sabia que tinha ficado muito ruim, então pesquisei mais algumas receitas, fiz algumas alterações e, no dia seguinte, era chegada a hora de tentar fazer os cookies da princesa mais uma vez!

Determinação; Garra; Amor; Vontade ... isso eram apenas alguns ingredientes extras para a nova receita.

Fomos para a cozinha e, cerca de quarenta minutos depois os cookies da princesa estavam saindo do forno ... era hora de experimentar! Dedos cruzados, joelhos dobrados, orei a Deus e .... SUCESSO! Tinham ficado simplesmente maravilhosos!

mon maternité cookies da mamãe
Gatinha, os cookies ficaram bons?!? ... Para quem está com comida na boca, um gesto responde!

Essa situação me fez refletir sobre um péssimo defeito que eu tenho, ou tinha, desistir muito fácil das coisas! Se a vontade de fazer cookies fosse minha, após a primeira tentativa frustrada eu iria desistir e nunca mais tentar fazer, mas como era para minha gatinha senti a responsabilidade da expectativa dela, não podia decepcionar!

O cookie do primeiro dia ela gostou mas comeu apenas um, a segunda receita, ela comeu uns três/quatro! É ou não é de se orgulhar?!?

Será que agora eu serei mais persistente até com as minhas coisas?!? OREMOS!!!

Beijos, Má

6 comentários :

  1. Ai amiga, eu também tenho esse problema de desistir fácil das coisas. Principalmente na cozinha!
    Vou ver se me inspiro em você...
    Tenha um bom feriado e uma ótima páscoa!
    Beijos!

    www.asosmamaenadia.com

    ResponderExcluir
  2. também fiquei curiosa com a receita! passa pra nós!!! nhammm

    ResponderExcluir
  3. Até nisso a maternidade nos muda! rs
    Adorei e espera a receita! hehe
    Beijos
    Débi

    ResponderExcluir
  4. Que lindo... uma lição mesmo! Mas a pergunta que não calar: e a receita, qual é mesmo? rsrsrs :) bjs Camila Vaz

    ResponderExcluir
  5. ola, vi seu blog hj, mas como gostei do post q vc escreveu, resolvi compartilhar uma receitinha facinha de fazer e q fica uma delicia. e disso posso garantir q conheço bem, pq AMOOOO cockies. segue o link ai. bjss

    http://www.youtube.com/watch?v=mzqrneWTLo4&list=PLTF0m1dspBSPUauDwtIs4mJ9CKxCrt342&index=20

    tb tem varias outras receitinhas otimas q da pra aproveitar.. bjs

    ResponderExcluir

Copyright © 2013 Mamãe de Salto - Layout Personalizado por Giselle Carvalho